Manifesto anti políticos dos partidos que governaram Portugal desde o 25 de Abril de 1974

1. A Justiça funciona mal (só os “piquenos” – desculpem esta piada, não resisti – e o Vale e Azevedo é que são punidos – este por ter deixado de ser presidente do Benfica e por ter aldrabado o PSD).

2. A segurança está má (o crime tem aumentado e a insegurança também).

3. A saúde ou a temos ou não temos hipóteses de a recuperar (antes havia falta de camas, agora, para receberem mais dinheiro do Estado, adiam a alta aos doentes. Não esquecer, também, que a Ordem dos Médicos ficou muito escandalizada por um médico espanhol ter demonstrado e exposto que, na prática, é possível reduzir listas de espera trabalhando – fez mais operações numa semana que muitos médicos num mês ou dois).

4. As instituições públicas trabalham por objectivos (o fisco tem objectivos na recolha de impostos, os polícias têm objectivos na recolha de fundos via passagem de multas).

5. Há dinheiro para os Bancos e não há para o resto (Garantia para todos os bancos e compra do BPN).

6. Os investigadores, não todos mas a grande maioria, têm de emigrar para poderem desenvolver trabalho nas suas área de formação (e com bons resultados pelo mundo fora). Aqui tenho de fazer uma ressalva e elogiar o Sr. Ministro Mariano Gago pelo apoio que tem dado à investigação em Portugal.

7. Existem quatro corpos de Polícia (isto se não me esqueci de nenhuma) pertencentes a 3 Ministérios diferentes. Há tentativas de conseguir “sacar” missões atribuídas a outros (dou o exemplo da investigação criminal, tanto a PSP como a PJ têm departamentos de investigação e dou o exemplo, também, vi isto numa notícia, há uns tempos atrás, quando fizeram uma reportagem sobre as actividades marítimas da brigada fiscal da GNR que, agora, também quer fazer fiscalização das actividades piscatórias).

8. As instituições reguladoras não regulam nada ( exemplos: Banco de Portugal e Anacom).

9. As pessoas que saem dos vários governos que houve, estão todas bem instaladas na vida, mesmo depois de revelarem uma total incompetência na governação do país (vão para altos cargos em bancos, em empresas de construção, fazem parte de muitos conselhos de administração de empresas com contratos com o Estado, Presidente da Comissão Europeia, etc.).

10. Os deputados incómodos vão todos parar a Bruxelas.

11. Há uma lei que diz que as empresas que não apresentam lucro têm de ser fechadas, algo perfeitamente lógico, se têm prejuízos contínuos acabam por ter de declarar falência com os prejuízos que daí adveem para a economia.

12. O fisco recebe dinheiro adiantado e depois demora muito tempo a devolver.

13. O Estado é o maior devedor nacional e o que demora mais tempo a pagar (esta está relacionada com a anterior).

14. Não sei a quem me dirigir e pedir responsabilidades , no parlamento, se não concordar com alguma política que afecte a minha vida. Os deputados não têm opiniões próprias, ou se as têm escondem-nas e votam no meio da carneirada. Os votos de consciência são um absurdo pois o deputado está na Assembleia para representar o povo e não a sua consciência.

15. Quatro perguntas:

      – Alguém alguma vez foi considerado responsável por alguma coisa num inquérito parlamentar?

      – Algum administrador público foi responsabilizado por acções danosas contra o Estado?

      – Porque é que os deputados incómodos vão todos para o Parlamento Europeu?

      – Porque é que o Sr. Durão Barroso, que mostrou ser de uma ingenuidade incrível ao ser engrupido, com provas falsas, pelo Sr. Bush (assim como os Srs. Aznar e Blair) foi escolhido para Presidente da Comissão Europeia?  Ninguém que tenha um negócio aceitava uma pessoa tão facilmente enganável para gerir o seu ganha pão.

16. A solução que preconizo para esta situação é que, nas próximas eleições, as pessoas votem em partidos que nunca tenham estado no Governo. Há vários (PPM, Partido da Terra, PND, PCTP-MRPP, UDP, etc.). Há pessoas válidas nos partidos que já governaram Portugal mas, enquanto, esses mesmos Partidos, não apanharem um susto essas pessoas não são chamadas. Basta lembrar a altura em que o país estava tão mal que foi preciso contibuir com um dia de trabalho para equilibrar as finanças, nessa altura foi preciso chamar pessoas como o Dr. Hernâni Lopes para resolver os problemas.

17. Deixem de votar em branco, isso só serve para manter os que estão no poleiro, um voto em branco ou nulo, ao contrário do que é considerado senso comum, não é um voto de protesto, é deixar que outros escolham por vocês. A Democracia dá-nos a possibilidade de escolha, por isso, não deixem que outros escolham por vocês quem nos vai governar, escolham vocês e deixem de olhar para os partidos políticos como olham para o vosso clube de futebol. A política não é futebol e, por isso, não faz sentido “vestir a camisola”. Os políticos é que têm de vestir a camisola nacional e trabalhar para que o país possa evoluir e para que haja Justiça. Ainda para mais quando hoje em dia as ideologias politicas deixaram de existir.

3 respostas a Manifesto anti políticos dos partidos que governaram Portugal desde o 25 de Abril de 1974

  1. pedromas diz:

    Sou um votante de esquerda, mais precisamente CDU, não sou filiado, nem sectário ao ponto de não ver que há mais “esquerda” para além deles, mas até agora quis continuar a acreditar que “Eles” são “mais” que os outros.
    Dia após dia, esta convicção está a desaparecer, neste momento já não sou tão fiel como já fui, e estou na dúvida entre o “voto em branco” ou nada, deixar de perder tempo com o voto.Essa de votar em quem ainda não andou pelos corredores do poder, não me convence.
    Prefiro sugerir à “Esqueda” política, que pare para pensar em agir de acordo com a ideologia humanista que os diferencia da “Direita”. Acordem para o respeito pela Humanidade, deixem de agir como capitalistas socialistas,deixem de ser economicistas disfarçados, demonstrem interesse pelos assuntos das “Pessoas”, respeitem quem vota na “Esquerda”porque quem vota neles quer é que a “Vida” seja mais justa e feliz para todos, e isso é possível, direi mesmo é imprescendível, antes que a invenja e o ódio às diferenças, nos faça matar a torto e a direito por dá cá aquela palha.
    Deixo um desafio aos “Politicos de Esquerda”. Sejam~-no, todos unidos para um fim comum. Um Mundo de Pessoas cada vez melhor e mais igual, mais justo, mais solidário, mais repirável, mais saudável, menos economicista, mais HUMANO.

  2. Anónimo diz:

    camarada pá ! isto é um blog anti -partidos (plural) esquerda., direita., centro ???!! é o k ? futebol ???
    gostava que me informem..se de facto existe uma lei que impede os candidatos a se-lo novamente se a abstenção for superior a x%

    mas tb se não vai os do custume..levamos com os ” sobrinhos” e “afilhados ”

    tb deixo umas perguntas…
    alguma estação televisiva faz reportagem sobre os deputados ?
    onde foram eleitos ? de onde são naturais ? e depois de eleitos onde vivem eles e as suas esposas ? onde estudam os seus filhos ?
    qual a percentagem de portugueses que conheçe o deputado em que ” votou ” ?
    pk fizeram uma lei para os autarcas e eles podem continuar no “poleiro” ?
    tb respondo a algumas…
    as tvs são “reguladas ” pelos partidos ” _( quem disser mal…[ Mª Moura Guedes) vai para a estiva !!)
    um ministro (não presta…vai adiministrar a galp,( formação em electonica))
    outro bate com a mão no peito por deixar cair uma ponte (tragédia de entre-os-rios) e agora é administrador da mota engil ! e faz o quê ?? admirem-se ….um contrato para 100 anos !!! com a luso ponte ???
    como dizia o outro !!! e eu é que sou burro ????
    ps: alguem sabe como posso ser tb de um partido ? não ter de acabar um curso , mas poder ser 1º ministro ??
    é que estou desempregado e até dava jeito !!

  3. António diz:

    Há uma coisa que não foi que é alterar a constituição e criar regras claras, criar imcompatilidades e responsabilizar quem governa e crimimalizar essas pessoad que dizem que não precisam de tachos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: